Querô e Sesc Santos fazem cinedebate de ‘Que Horas Ela Volta?’ com Anna Muylaert

Por Ivan De Stefano

Neste sábado (03/12) o Instituto Querô realiza o último Encontro Cinematográfico do ano em parceria com o Sesc Santos, trazendo personalidades do audiovisual para a região. Desta vez, a convidada é a cineasta Anna Muylaert, diretora do “Que Horas Ela Volta?”, filme brasileiro indicado à lista do Oscar 2015 e vencedor de 20 prêmios em festivais nacionais e internacionais. A entrada é gratuita, com exibição do filme às 18h, seguido de bate-papo com a diretora às 19h30. A mediação será feita pelo professor de Cinema e Audiovisual da Unimonte, Edison Delmiro. O evento será no Sesc, R. Cons. Ribas, 136.

A cineasta Anna Muylaert estudou cinema na Escola de Comunicação e Artes da USP. Como roteirista, participou das equipes de criação dos programas “Mundo da Lua” (1991) e “Castelo Rá-tim-bum” (1995) da TV Cultura, “Disney Club” (1998), do SBT, e “Um menino muito maluquinho” (2006), da TVE Brasil, além de ter escrito o episódio do Open a Door: “O menino, a favela e as tampas de panela”, dirigido por Cao Hamburger. Como diretora, dirigiu os curtas “Rock Paulista”, “A origem dos bebês segundo Kiki Cavalcanti” (1996) e os longas “Durval Discos (2002)”, prêmio de melhor filme e melhor diretor no 30º Festival de Cinema de Gramado e “É Proibido Fumar” (2009).

Entre os 20 prêmios conquistados com o longa-metragem Que Horas Ela Volta?, levou os de Melhor Atriz (Regina Casé) e prêmio Especial do Júri no Festival de Sundance, nos Estados Unidos. O mais recente trabalho da diretora é o filme “Mãe Só Há Uma”, exibido este ano no Festival de Berlim e vencedor do prêmio de melhor filme pelo júri de leitores da revista alemã “Männer”.


Sobre o filme

Conta a história de Val (Regina Casé), uma pernambucana que se muda para São Paulo para trabalhar como babá do menino Fabinho (Michel Joelsas) e deixa aos cuidados da avó sua filha Jéssica (Camila Márdila). Após 13 anos de serviço Val tornou-se uma segunda mãe para Fabinho e também a administradora absoluta da casa dos patrões Barbara (Karine Telles) e Carlos (Lourenço Mutarelli), A ação do filme começa quando Val recebe a notícia que sua filha vem para São Paulo prestar vestibular.

Val pede o apoio dos patrões que aceitam hospedar a menina junto com a mãe no quartinho dos fundos. A família de Fabinho recebe a menina de forma cordial, mas como ela não segue as regras invisíveis de comportamento e protocolos esperados para ela, a situação se complica. Esses conflitos farão com que Val precise encontrar um novo equilíbrio na sua vida.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s