Arquivo da categoria: Artes visuais

‘A Terra pode ser chamada de Chão’ em cartaz no Teatro Braz Cubas

Por ONG TamTam
.
Mais de 70 pessoas, entre técnicos, elenco e direção participam da nova sessão do espetáculo ‘A Terra pode ser chamada de Chão’. A peça será apresentada no dia 22/out, às 19h, no Teatro Municipal Braz Cubas (Av. Pinheiro Machado, 48/Santos). Os ingressos a R$ 15 podem ser obtidos na ONG TamTam, no mesmo endereço. Informações: 97408-7395.
.
Concebida e dirigida por Renato Di Renzo, a obra de teatro físico é pensada a partir da ‘Carta da Terra’ (Unesco/2000), refletindo sobre o fio condutor do documento internacional: “Estamos diante de um momento crítico na história da Terra, numa época em que a Humanidade deve escolher o seu futuro.”
.
A partir do próprio figurino e objetos cênicos – completamente reutilizados -, o diretor propõe um olhar ampliado e sensível sobre a geração de uma sociedade sustentável global, baseada no respeito a natureza, nos direitos humanos universais, na justiça e na cultura da paz e da inclusão.
.
A primeira edição deste trabalho esteve no Festival Internacional de Teatro em Portugal no ano de 2009 e foi apresentada numa versão menor, com 23 participantes, sendo totalmente entendida e absorvida pelo público presente, que demonstrou emoção e sensibilidade com uma altíssima receptividade, por crianças, jovens, adultos e idosos, no Teatro São Pedro na cidade de Abrantes.
.
Ficha Técnica |  Concepção e Direção: Renato Di Renzo; Assistência: Thays Ayres; Produção: Claudia Alonso; Iluminação: Jeferson Silva; Sonoplastia e Sonorização: Genesis Robson, Sol Martinez, Luiz Arcas, Rogério Dias e Rosângela Santos; Preparação Corporal: Claudia Alonso; Maquiagem: Thays Ayres e equipe; Fotografia: Fernando Alonso e Priscilla Novaes; Técnica e Cenotécnica: Mariana Salgado, Gilvan Xavier, Jucilene Bueno, e Angela Fortes.
Anúncios

Caravana da Arte envolve praças do Casqueiro e Vila São José

Por Lincoln Spada
.
As praças de Cubatão serão epicentros de artes variadas neste próximo final de semana. É o projeto Caravana da Arte, que realizará programações gratuitas na sexta-feira (dia 20), na Praça da Cidadania (Vila São José) e no domingo (dia 22), na Praça Independência (Jardim Casqueiro).
.
No primeiro dia, a partir das 15 horas, acontece o Jongo dos Cafezais, com a Associação Zabelê de Cultura Popular, às 16h10, é a vez do espetáculo ‘A Folia no Terreiro do Seu Mané Pacaru’, do grupo Mamulengo da Folia. Já às 17h20, entra em cena a Banda Dr. Júpiter e o clube de dança Criart’s. Na hora seguinte, é a vez do mesmo clube embalar a plateia com o Trio Agostino e Petrolina a Juazeiro.
.
Já no domingo, às 15 horas, o próprio trio arremata o público com o clube de dança, seguido às 16h10 da peça ‘A Folia no Terreiro do Seu Mané Pacaru’. Por volta das 17h20, está previsto o show da Banda Paz com o grupo Criart’s e, às 18h20, quem finaliza a mostra é o grupo Zabelê de Cubatão. Em ambos os dias, haverá nos intervalos das apresentações a intervenção artística ‘Abbacircus’, além da performance ‘Consulta sua história de amor’, com Patrícia Vignolli e o Realejo da Sorte.
.
O projeto Caravana da Arte é uma realização do Governo do Estado via ProAC-ICMS com a Usiminas e a Cooperativa Paulista de Teatro. A parceria do Pop e Estima Cultural e apoio do Instituto Cultural Usiminas e da Prefeitura Municipal de Cubatão via Secult.

Galeria Nilton Zanotti promove oficina gratuita de autorretrato em relevo no dia 19

Por Prefeitura de Praia Grande
.
Na próxima quinta-feira (19), a Galeria Nilton Zanotti (Av. Costa e Silva, 1600/Praia Grande) abre as portas para quem quiser aprender um pouco sobre arte. Os docentes e artistas Hélio Schonmann e Lúcia Neto ministram a oficina gratuita de autorretrato em relevo para a produção de módulos da instalação Toque, que será exposta em abril de 2018.
.
A mostra reunirá um conjunto colaborativo formado por pessoas com ou sem noções artísticas. A cada mês, novos módulos são produzidos e incorporados ao conjunto. Os trabalhos realizados na oficina também farão parte da instalação, com os autorretratos dos participantes.
.
O módulo em alto relevo é produzido sobre um suporte de 30X30 numa técnica derivada do papel machê, que mistura cola branca e pedaços de papel ou papelão. Todo o material será fornecido aos participantes.
.
As inscrições devem ser feitas diretamente na Galeria Nilton Zanotti ou pelo telefone 3496-5713 e seguem até o preenchimento das vagas (20 no total). A oficina acontece durante todo o dia, em dois períodos: manhã (9h30 às 12h30) e tarde (13h30 às 16h30).

Cine Letras exibe comédia sobre inclusão nesta quinta-feira

Por Secult Santos
.
Em parceria entre as secretarias de Cultura e de Relações Institucionais e Cidadania, o projeto Cine Letras, em sua 7ª edição itinerante, chega ao Cine ZN – Sala Toninho Dantas (Centro Cultural da Zona Noroeste – Av. Afonso Schmidt, s/nº, Areia Branca) para exibir o filme ‘Colegas’. A sessão ocorre na quinta-feira (19), a partir das 14h, com entrada franca.
.
O ‘Leia Santos’ estará presente com a ação Adote um Livro, que oferece publicações que serviram de roteiro para filmes, além de biografias de cineastas e atores. O Cine Letras oferece gratuitamente pipoca e refrigerante. Após a exibição ocorre bate-papo com o coordenador de Defesa de Políticas para Pessoas com Deficiência, Daniel Monteiro, e com a jornalista Roseane Arrocho e o filósofo Rodrigo Lucheta, ambos servidores da Secult.
 .
O filme
.
Comédia premiada, ‘Colegas’ trata de forma poética coisas simples da vida por meio dos olhos de três personagens com síndrome de Down. ‘Colegas’ é um filme que aborda de forma inocente a importância da simplicidade e da leveza da vida.
.
Seus três protagonistas (Stalone, Aninha e Márcio) se comunicam basicamente por frases célebres de cinema, resultado dos anos em que trabalharam na videoteca do Instituto Madre Tereza, local onde vivem.
.
Um dia, inspirados pelo filme ‘Thelma & Louise’, resolvem fugir no carro velho do jardineiro em busca de seus sonhos: Stalone quer ver o mar, Márcio deseja voar e Aninha busca um marido. Nessa viagem, enquanto experimentam o sabor da liberdade, envolvem-se em inúmeras confusões e aventuras.

Estação das Artes abre inscrições para cursos e workshops nesta semana em Cubatão

Por Lincoln Spada
.
Em sua programação trimestral, a Secretaria de Cultura de Cubatão conta com novidades na Estação das Artes, principal espaço de formação artística. Estão abertas as vagas gratuitas para os cursos livres de iniciação às Artes Plásticas, em turmas às quartas e quintas-feiras, das 14 às 16 horas e às quintas-feiras, das 9 às 11 horas. O público alvo é quem tem de 7 a 10 anos.
.
Por sua vez, o equipamento municipal também abre inscrições nesta semana para o workshop de Pintura Contemporânea, que terá início no próximo dia 24 e segue até 12 de dezembro, sempre às terças-feiras, das 19 às 22 horas. Ainda, workshop Flower Crafts (flores gigantes em papel), durante o mesmo período, às terças-feiras, das 14 às 16 horas, e de Quilling (arte em papel), entre os dias 23 de outubro e 11 de dezembro, às segundas-feiras, das 14 às 16 horas.
.
Ao todo, mais de 300 alunos participaram das turmas de cursos livres ofertados pela Estação das Artes este ano. Mantido pela Prefeitura via Secult, o espaço público está situado na Avenida 9 de Abril, 1208, funcionando em horário comercial de segunda a sexta-feira. Outras informações pelo telefone (13) 3361-4656 ou pelas redes sociais (fb.com/cubatao.estacao).

Mostra das Minas realiza 2ª Festa do Videoclipe neste sábado

Por Mostra das Minas
.
A Mostra das Minas realiza a 2ª Festa do Videoclipe neste sábado (22/out), às 20h, na Casa Velha (Bulevar Othon Feliciano, 10/Santos). O evento tem entrada franca e contará com exibição de videoclipes dirigidos por mulheres, além de discotecagem com Noa Marchese e Raquel Pellegrini.
.
Serão exibidos os vídeos ‘Bloodshot’ (llIRUM), de Raquel Oyakaea, ‘Delírio Tropical (Daniel Fontes), de Aline Rezende, ‘Fumaça’ (As Bahias e a Cozinha Mineira), de Carla Shah, ‘Mulamba’ (Mulamba), de Virgínia de Ferrante, ‘Saideira, tchuruchuru’ (Banda-fôrra), de Isabela Oliveira Remígio, e ‘Fome de Dragão’ (Ducasco), de Rafaela Navarro.
.

Nego do Borel é principal destaque da festa Le Mystique

Informações de A Tribuna On-Line
.
Santos receberá no próximo dia 21, no Arco do Valongo (R. Comendador Neto, 3), a partir das 22h30, a festa Le Mystique. O evento, que traz um conceito de festa jamais visto na Cidade promete levar diversão e mistério para todos que comparecerem nessa noite. Ingressos disponíveis a partir de R$ 40.
.
Com atrações circenses e muita música, a mais nova label (festa temática) foi criada com o objetivo de trazer para a Baixada Santista um novo conceito de entretenimento. Resgatando toda importância da época, a Le Mystique irá levar o universo do circo a este antigo prédio restaurado para sua primeira edição. Tijolos à mostra, com seus grandes arcos, darão todo o charme e ambiente que a festa e seus participantes merecem.
.
Uma produção inédita, com dois palcos, que terá como atração principal, em seu picadeiro, Nego do Borel que promete agitar ainda mais esse circo. Uma grande estrutura, com dois palcos, será montada para levar atrações e performances que irão surpreender o público. Além disso, o público presente vai contar com a gastronomia do Original Co.