Arquivo da categoria: Campinas

AntroHH realiza seleção para residência artística na Casa do Sol

Antro Hilda Hilst

O festival Antro Hilda Hilst (AntroHH) abre inscrições para residência artística no Instituto Hilda Hilst, em Campinas. Aberto para pessoas físicas de todos os municípios de São Paulo, o processo escolherá um projetos a ser desenvolvido e finalizado durante a estádia de três semanas. A proposta selecionada será contemplada com estadia de duas semanas na Casa do Sol, local que Hilda construiu, em 1966, e que se tornou um grande símbolo na criação de suas obras.

Os interessados podem cadastrar seus projetos de residência artística até o dia 7 de junho pelo formulário online https://goo.gl/u6Jcrx. O regulamento completo pode ser consultado no endereço http://www.antrohh.com/residenciahh. A proposta vencedora será anunciada no dia 11 de junho 2017 pelo site do festival.

Casa do Sol

No meio da década de 60, Hilda Hilst decidiu se afastar da vida agitada da Capital e passou a viver na sede da fazenda da família, em Campinas, durante a construção da sua própria casa numa parte daquela propriedade.

Planejada detalhadamente pela autora para ser um espaço de inspiração e criação artística, a Casa do Sol também serviu de ocupação artística para os amigos de Hilda. Lá, eles discutiam filosofia, política e artes, entre outros temas. Hilda viveu no local até fevereiro de 2004, quando veio a falecer. Atualmente propriedade é administrada pelo Instituto Hilda Hilst, que preserva o local e os pertences lá deixados pela escritora.

AntroHH

Festival de oficinas, performances e mostras interativas inspiradas na escritora paulista Hilda Hilst, o projeto foi premiado pelo Edital de Festivais de Arte Programa de Ação Cultural (ProAC) do Governo do Estado São Paulo. Com produção da Cama Leão e apoio dos Institutos Hilda Hilst e Criar de TV, Cinema e Novas Mídias, o projeto itinerante utiliza a arte-educação como ferramenta de transformação social e garante acesso ao fazer artístico para crianças, jovens e adultos.

Virada Cultural Paulista 2015: Programação em Campinas

Localizada a 96 km da capital paulista, Campinas possui cerca de 1,145 milhão de habitantes, sendo o terceiro município mais populoso de São Paulo (ficando atrás de Guarulhos e da capital). O município também é a décima cidade mais rica do Brasil, sendo responsável por pelo menos 15% de toda a produção científica nacional e o terceiro maior polo de pesquisa e desenvolvimento brasileiro.

> Confira a Virada Cultural em outros municípios

A cidade também conta com diversos atrativos turísticos, com valor histórico, cultural ou científico, como museus, parques e teatros. A Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, fundada em 1974, é considerada uma das principais do país ao lado da OSESP e OSB. Além disso, a Campinas tem três teatros municipais, vários grupos de música erudita, corais, 43 salas de cinema, dezenas de bibliotecas, galerias de arte, museus e editoras de destaque nacional.

Na cidade, também são organizados diversos eventos culturais com foco para o setor teatral. Destaca-se a Campanha de Popularização do Teatro, organizada pela Associação dos Profissionais do Teatro de Campinas desde 1985. A campanha é direcionada aos adultos e crianças, oferecendo peças teatrais e musicais realizados no Centro de Convivência Cultural Carlos Gomes. PROGRAMAÇÃO – 30 E 31 DE MAIO

PALCO EXTERNO – LARGO DO ROSÁRIO
Largo do Rosário, Centro
Os intervalos entre os shows contarão com uma trilha musical desenvolvida especificamente pelo DJ Rodrigo Bento.
30/5 | 19:30
Kretynos [Música]
Formada em 1996, a banda tem Maks Tiritan (voz e guitarra), Fernando Chama (guitarra), Carlos Rebello (baixo) e João Pim (bateria) entre os integrantes. O grupo Kretynos leva o seu rock alternativo ao palco externo para exibir Demétrio, Cachorro sem Dono e Artificial, além de faixas do próximo trabalho.

30/5 | 21:00
Filipe Catto [Música]
Nascido no Rio Grande do Sul, o cantor chamou atenção pelo raro timbre vocal, o de contratenor. Após se mudar para São Paulo, ele foi conquistando um público fiel. Filipe Catto se prepara para lançar o segundo disco da carreira, mas, por ora, ele recorre aos sambas e tangos do trabalho de estreia, Fôlego. A interpretação da faixa Saga é dos pontos altos do show.

0230/5 | 22:30
Yusa [Música]
Cantora, compositora e multi-instrumentista cubana que se tornou uma das grandes figuras da música atual, Yusa apresenta uma fusão de rock, soul, rumba e trova cubana. Com conexões ancoradas na herança africana e caribenha, ela regressa ao Brasil após parcerias musicais consolidadas com Lenine, Filipe Catto e Tulipa Ruiz.

0330/5 | 23:59
Elza Soares [Música]
As recorrentes dores na coluna fizeram com que a cantora carioca começasse a se apresentar sentada. Mas ao seu modo, Elza Soares não fica parada e, acompanhada pelos DJs Ricardo Muralha e Bruno Queiroz, mostra o show A Voz e a Máquina. Na ocasião, ela põe a sua voz rascante e poderosa a serviço de Cálice, de Chico Buarque e Gilberto Gil; Brasil, de Cazuza; e Chega de Saudade, de Vinicius de Moraes e Tom Jobim.

31/5 | 15:30
Silva [Música]
Após o elogiado álbum de estreia, Claridão (2012), o capixaba lançou o segundo disco da carreira no ano passado. Trata-se de Vista pro Mar. Menos denso que o antecessor, o trabalho lista a faixa-título, Entardecer e Janeiro. Acompanhado por Rodolfo Simor (guitarra e synth) e Hugo Coutinho (bateria), Silva toca estas e outras canções.

31/5 | 17:00
The Baggios [Música]
Formado no Sergipe, o duo de rock e blues já está na estrada há dez anos. Julio Andrade (guitarra e voz) e Gabriel Carvalho (bateria) sobem ao palco para apresentar músicas do elogiado álbum Sina (2013), que traz letras baseadas em personagens folclóricos de uma cidade interiorana. O material do CD e DVD Dez Anos Depois também entra na apresentação.

31/5 | 18:30
Titãs [Música]
Muitas foram as comemorações dos 30 anos de carreira dos Titãs, em 2012. A mais importante, contudo, foi a apresentação na qual a banda tocava o disco Cabeça Dinossauro (1986) na íntegra. A experiência lhes deu fôlego e o peso foi despejado no ótimo disco Nheengatu (2014), um dos melhores lançados por Branco Mello (voz e baixo), Paulo Miklos (voz e guitarra), Sérgio Britto (voz, teclado e baixo) e Tony Bellotto (guitarra) nos últimos tempos. No show, músicas recentes e clássicos se misturam no repertório. Eles contam com Mario Fabre (bateria) como músico convidado.

ESTAÇÃO CULTURA *
Praça Floriano Peixoto, s/nº – Centro (antiga Estação Ferroviária)
30/5 | 14:00
Euterpe* [Música]

30/5 | 15:00
DJ Digão* [Música]

30/5 | 15:30
As Presepadas de Damião* [Teatro]

30/5 | 16:30
Capa e seus Grilos* [Música]

30/5 | 17:30
Juliana Hadler e Mailson Silva* [Dança]

30/5 | 18:00
Ding Dong e Batucada DezVinte* [Música]

30/5 | 19:00
Jongo Dito Ribeiro* [Cultura Popular]

30/5 | 19:30
Aureluce Santos* [Música]

30/5 | 20:30
Danças Urbanas Locking – Chemical Funk [Dança]
O Locking surgiu no final dos anos 60 e, desde então, influenciou outras vertentes das danças urbanas. O espetáculo do Chemical Funk tem como característica a apresentação de uma dramaturgia clara e linear, repleta de tramas e surpresas, utilizando ainda o humor como ferramenta cênica. Através de esquetes lúdicos e educativos, o grupo ilustra o surgimento e a trajetória da dança.

30/5 | 21:30
Alabê Jazz* [Música]

30/5 | 22:30
Cia do Circo* [Circo]

30/5 | 23:00
Ieda Cruz e Gerson King Combo* [Música]

31/5 | 14:00
Caixeiras* [Cultura Popular]

31/5 | 14:30
Bateria Alcalina* [Música]

0131/5 | 15:00
Reisado Sergipano e Bumba Meu Boi de Guarujá [Cultura Popular]
A Associação Folclórica Reisado Sergipano e Bumba Meu Boi de Guarujá tem como objetivo a divulgação e a inclusão dos cidadãos na cultura. O Reisado é de origem portuguesa e se instalou em Sergipe no período colonial. É uma dança popular, na qual se festeja a véspera de Natal e o Dia de Reis, no período de 24 de Dezembro a 06 de Janeiro.

31/5 | 16:00
Mestre Lumumba* [Música]

31/5 | 17:00
Tanz Teatro* [Dança]

31/5 | 17:30
Skafandros* [Música]

31/5 | 19:00
VJ Robson Victor [Audiovisual]
Vencedor da primeira edição brasileira do Campeonato Brasileiro de VJs, o VJ Torna, e campeão mundial no quarto Word Championship VJ Torna, realizado na Hungria. Trabalha atualmente com o mercado corporativo e artístico. Ministra workshops em vários festivais brasileiros e faz intervenções artísticas e projetos culturais por São Paulo. Em seus sets, o VJ Robson Victor comanda a imagem em sincronia com o som, criando um ambiente totalmente imersivo com suas animações cuidadosamente elaboradas.

31/5 | 19:30
DJ Digão* [Música]

31/5 | 20:00
Doc Miranda e Reggae Spirit* [Música]

31/5 | 21:00
Abel Duere* [Música]

SESC CAMPINAS**
Rua Dom José I, nº 270
30/5 | 18:00
Nadifúndio, com Outro – Outra Cia de Dança [Dança]
Intervenção coreográfica livremente inspirada no universo poético de Manoel de Barros, propondo uma reflexão sobre a potência das coisas que não levam a nada.

30/5 | 19:00
Otelo e a Loira de Veneza ou o Pancadão da Traição – Cia Lona de Retalhos [Teatro]

30/5 | 20:00
Samba da Laje [Música]
Tradicional roda de samba, homenageia o samba de raiz e seus compositores.

31/5 | 10:30
Jam de Dança e Música – Cia Giz de Cena [Dança, Música]
Os participantes são levados, embalados e impulsionados ao movimento pelas músicas tocadas e cantadas ao vivo, numa grande brincadeira dançada, cantada e improvisada, em que crianças de todas as idades experimentam movimento e som.

31/5 | 11:30
TrixMix Cabaret Pocket [Circo]
Por sua longa duração, os cabarés são eventos frequentemente associados à boemia e à noite, características em comum com a Virada Cultural. Neste mini-cabaré há números de magia, malabarismo, dança, humor e teatro de bonecos.

31/5 | 15:30
O Auto do Bumba-meu-Boi – Grupo Cupuaçu [Cultura Popular]
O grupo atua na criação, pesquisa e difusão de toques, cantos e ritmos da cultura popular brasileira. O Auto tem na dança e na música os elementos que conduzem a reconstrução da narrativa mítica do Boizinho-de-São-João, convidando crianças e adultos para momentos de trocas.

31/5 | 16:30
Gangorra (Vange Milliet e Paulo Lepetit, com participação de Maurício Pereira) [Música para Crianças]
Projeto de música infantil dos músicos e compositores Vange Milliet e Paulo Lepetit. As músicas autorais tratam de temas que refletem o cotidiano, o universo e os questionamentos das crianças.

MIS CAMPINAS ***
30/5 | 22:00
Um dia… e logo depois um outro + Moto-perpétuo [Cinema]
Um dia… e logo depois um outro Um dia, ou melhor, dois dias em uma borracharia. Moto-perpétuo Leonardo, um violinista obcecado, tenta criar uma máquina para virar as páginas da partitura de forma automática, permitindo que ele toque seu instrumento eternamente. Johan, seu filho, um menino prodígio que aprendeu sozinho a ler e interpretar partituras, é o único a contestar o sonho do moto-perpétuo.

31/5 | 17:00
Um dia… e logo depois um outro + Moto-perpétuo [Cinema]
Um dia… e logo depois um outro Um dia, ou melhor, dois dias em uma borracharia. Moto-perpétuo Leonardo, um violinista obcecado, tenta criar uma máquina para virar as páginas da partitura de forma automática, permitindo que ele toque seu instrumento eternamente. Johan, seu filho, um menino prodígio que aprendeu sozinho a ler e interpretar partituras, é o único a contestar o sonho do moto-perpétuo.

Obs: Durante a programação na Estação Cultura ocorrem as intervenções:
– Júlio Lobo [Astronomia]*
– Bike Foguete [Intervenção Artística]*
– Lambe-Lambe Digital [Artes Visuais]*
– Núcleo de Artes Mágicas [Mágica]*

OBS:
* Programação complementar realizada pelo Município
** Programação complementar realizada pelo SESC Campinas
Programação sujeita a alteração sem aviso prévio
*** Programação complementar realizada pelo MIS – Museu da Imagem e do Som

11ª Mostra de Teatro de Limeira resgata história do Brasil

Expressar e divulgar a arte limeirense. Esse é o objetivo da Mostra de Teatro de Limeira, que chega na sua 11ª edição neste ano e é realizada pela Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Cultura. Durante a próxima semana, entre 17 e 22 de maio, o Teatro Vitória será palco de diversas apresentações. Na quarta-feira, 20, a história do Brasil será retratada no espetáculo ‘Outros 500’, do Grupo Levitar de Teatro, a partir das 20h.

A dramaturgia da peça segue uma linha informativa, cômica e reflexiva, levando à plateia a viajar por mais de 500 léguas de história brasileira. O público também é instigado a ter uma participação ativa na peça, vivenciando situações junto às personagens. A classificação indicativa de ‘Outros 500’ é 14 anos.

Na quinta-feira, 21, a Cia. Andanças de Teatro apresentará o espetáculo ‘Em Memória de Mim’, às 20h. Com direção coletiva, a peça mostra o universo de uma prostituta que possui um bordel de muito sucesso, mas, agora que está envelhecendo, precisa de alguém para continuar os negócios. A personagem induz sua filha de 15 anos a entrar no ramo.

“A mãe organiza um leilão para vender a virgindade da filha”, explicou a atriz do grupo, Ana Júlia Nogueira. A peça se passa na década de 70 e, segundo a atriz, retrata a profissão de maneira muito sutil. “Temos muitos poemas e poesias, então, abordamos a prostituição de maneira humanizada, sem querer dar nenhuma lição de moral”, esclareceu.

A classificação indicativa de ‘Em Memória de Mim’ é 16 anos e o texto original foi escrito por Allan Araújo, integrante da companhia, mas que participa da Mostra de Teatro este ano com outro grupo, a Cia. Atores da Vida, da Associação de Reabilitação Infantil Limeirense (Aril), com o espetáculo ‘Os Saltimbancos’ na segunda-feira, 18. Conheça a programação:

Espetáculo de abertura: Florilégio Musical II- Nas Ondas do Rádio (musical)
Data: 17/5 – Horário: 19h – Local: Teatro Vitória (Praça Toledo Barros – S/Nº – Centro)
Classificação: Livre – Duração: 60 min
Grupo: Kavantan e Associados
Direção: Elias Andreato
Sinopse: O Espetáculo é uma homenagem ao rádio, aos seus reis e rainhas, como Dalva de Oliveira, Herivelto Martins, Emilinha, Francisco Alves, Nelson Gonçalves. O musical relembra, ainda, canções inesquecíveis de Cartola, Ataulfo Alves, Zé Keti, Dorival Caymmi, Assis Valente, Lupicínio Rodrigues, Ary Barroso, Chocolate e Noel Rosa. No Elenco estão Carlos Moreno, Mira Haar e Adriana Fonseca.
Entrada Gratuita

Espetáculo: Os Saltimbancos (teatro infantil)
Data: 18/5 – Horário: 20h – Local: Teatro Vitória
Classificação: Livre – Duração: 50 min
Grupo: Cia Atores da Vida (Aril)
Direção: Allan Araújo
Sinopse: A peça, inspirada no conto dos irmãos Grimm “Os Músicos de Bremen”, narra a história do encontro de quatro animais (um jumento, um cachorro, uma galinha e uma gata), que devido a maus tratos, fugiram de seus patrões. Juntos decidem formar um grupo musical e rumam à cidade para começar a carreira artística. No caminho, os bichos enfrentam dificuldades e chegam à conclusão de que unidos conseguirão superar todos os obstáculos.
Entrada Gratuita

Espetáculo: Que isso fique entre nós (teatro adulto)
Data: 19/5 – Horário: 20h – Local: Teatro Vitória
Classificação: 12 anos – Duração: 40 min
Grupo: G.E.T. (Grupo Experimental de Teatro)
Direção: Matheus Barreto
Sinopse: Um homem vai passar a noite no apartamento do irmão falecido e se depara com a viúva dele – uma mulher carente que sempre teve medo de novas experiências. A mulher começa a se sentir atraída pelo cunhado, mas fica dividida entre o desejo de buscar algo novo e as convenções sociais. Esse é o ponto de partida da peça, que trata dos medos e das cobranças impostas pela sociedade.
Entrada Gratuita

01Espetáculo: Outros 500 (teatro adulto)
Data: 20/5 – Horário: 20h – Local: Teatro Vitória
Classificação: 14 anos
Duração: 50 min
Grupo: Grupo Levitar de Teatro
Direção: Guto Oliveira
Entrada Gratuita

Espetáculo: Em Memória de Mim (teatro adulto)
Data: 21/5 – Horário: 20h – Local: Teatro Vitória
Classificação: 16 anos
Duração: 45 min
Grupo: Cia Andanças de Teatro
Direção: Coletiva
Entrada Gratuita

Espetáculo: Querida Celie… (teatro adulto)
Data: 22/5 – Horário: 20h – Local: Teatro Vitória
Classificação: 14 anos
Duração: 80 min
Grupo: Espaço Núcleo
Direção: Jonatas Noguel
Sinopse: Celie é uma jovem de apenas 14 anos que foi violentada pelo pai e dá à luz duas crianças. Além de perder a capacidade reprodutiva, Celie é imediatamente separada dos filhos e da única pessoa no mundo que a ama, sua irmã, Nettie. Celie casa-se com Albert, um jovem viúvo que a trata como escrava e companheira. Grande parte da brutalidade de Albert provêm de uma forte paixão por Shug Avery, uma sensual cantora de blues. Solitária, Celie compartilha sua tristeza em cartas (a única forma de manter a sanidade em um mundo onde poucos a ouvem).

*Prefeitura de Limeira

Casa da Cultura de Vargem Grande recebe oficina audiovisual

O Departamento de Cultura recebe a oficina ‘Roteiro de Ficção e Documentário’, uma parceria com o programa Pontos MIS, no dia 28 de maio, das 16h30 às 22h30.

A oficina visa apresentar conceitos e estratégias de construção do roteiro, tanto de ficção como de documentário. Com a exibição de trechos de filmes, refletiremos sobre as diferentes abordagens possíveis a partir de uma mesma ideia, e os limites do documental e do ficcional.

Os participantes desenvolverão exercícios de criatividade narrativa e de síntese, a partir de imagens, sons e textos. Ao final da oficina, terão uma visão global da função do roteiro num filme, sua forma e suas especificidades, sendo encorajados a desenvolver seus projetos pessoais.

As inscrições podem ser feitas antecipadamente na Casa da Cultura, localizada na Rua Major Corrêa, 505, no centro da cidade. Serão abertas 25 vagas. Informações pelo telefone (19) 3641-6199.

A oficina será comandada por Daniel Chaia, que é formado em Cinema e Vídeo pela ECA-USP. Entre seus roteiros de ficção, destacam-se ‘Bens Confiscados’, de Carlos Reichenbach e ‘Garoto Cósmico’, de Alê Abreu. Entre seus roteiros de documentário, ‘Rita Cadillac – a Lady do Povo’, de Toni Venturini e ‘Meu Amigo Cláudia’, de Dácio Pinheiro. É diretor e roteirista de curtas como ‘De Resto’, ‘Na Pista do Apito’ e ‘Borboletas Indômitas’.

Em 2012, teve o conjunto de seus curtas exibido na abertura do 7º Cine Mube Vitrine Independente. Também atua como assistente de direção, tendo desempenhado a função em 11 longas metragens.

*Prefeitura de Vargem Grande do Sul

 

Inscrições para Oficinas de Cultura Afro abrem em Limeira

A partir desta terça-feira, 24 de fevereiro a Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Cultura, está com vagas abertas para Oficinas de Cultura Afro. Há cursos de canto afro adulto e infantil, percussão, dança e coral. São disponibilizadas 50 vagas em cada categoria. Os interessados podem inscrever-se gratuitamente até sexta-feira, 27 de fevereiro, na sede do Comicin (Conselho Municipal dos Interesses do Cidadão Negro – Rua Treze de Maio, s/nº – Praça Coronel Flamínio/Centro) das 13 às 20h.

Os documentos exigidos são: original do RG ou Certidão de Nascimento, comprovante de residência e uma foto 3×4. Crianças ou adolescentes devem estar acompanhados do responsável. As aulas serão ministradas de março a dezembro. Outras informações pelo telefone: 3495-1350.

História

O Brasil tem a maior população de origem africana fora da África. No entanto, só a partir do século 20, as manifestações, rituais e costumes africanos começaram a ser aceitos e valorizados como expressões artísticas genuinamente nacionais. A cultura afrobrasileira está presente nas mais variadas formas de arte, na religião, culinária, folclore e festividades populares. Atualmente, um dos seus traços mais marcantes é a conscientização sobre a história dos povos africanos no Brasil.

Confira os dias e horários das oficinas:

>> Canto Afro (adulto): sábados, das 8h às 9h
Idade: a partir de 13 anos
>> Canto Afro (infatojuvenil): sábados, das 9h às 10h
Idade: de 7 a 12 anos
>> Percussão: sábados, das 15h às 16h
Idade: a partir de 13 anos
>> Dança: terças, das 18h30 às 19h30
Idade: a partir de 13 anos
>> Coral Afro Thulany: sábados, das 10h às 12h
Requisito: é necessário experiência e os interessados deverão realizar um teste.

*Prefeitura de Limeira

‘Não Vamos Pagar!’ abre circuito teatral em Vargem Grande do Sul

Abrindo a temporada de 2015, da parceria Departamento Municipal de Cultura e Turismo e Circuito Cultural Paulista, Vargem Grande do Sul recebe no dia 29 de março o espetáculo “Não Vamos Pagar!”. A Prefeitura ainda não informou detalhes o horário, o local e valor do ingresso do espetáculo.

Escrita pelo ganhador do Prêmio Nobel, Dario Fo e sua mulher Franca Rame, a peça é uma comédia ágil, provocativa, uma farsa onde um protesto contra a alta de preços num supermercado desencadeia uma série de situações surpreendentes e inesperadas, construindo, através de seus diálogos ligeiros, uma rara e inteligente combinação de crítica social e humor. Uma sátira politica ao mesmo tempo catártica e engraçadíssima, considerada uma das grandes obras-primas de Dario Fo.

Na peça, Antônia e Margarida são donas de casa que não conseguem chegar ao fim do mês com as contas em dia. Antônia acabou de perder o emprego e seu marido, João, trabalha numa fábrica prestes a ser fechada.

Em protesto pelo aumento abusivo dos preços, um grupo acaba saqueando um supermercado. Antônia participa do ato, desencadeando uma sequência de peripécias para evitar que o marido – homem de princípios que prefere “morrer de fome a fazer alguma coisa contra a lei” – tome conhecimento do seu ato. Soma-se a isto os problemas criados pela amiga Margarida, relutante em ajudá-la, e os vários encontros e incidentes com as forças da lei.

*Prefeitura de Vargem Grande do Sul

 

Festa do Figo de Valinhos oferece programação variada

De 17 de janeiro a 1 de fevereiro acontece no Parque Municipal de Feiras e Exposições “Monsenhor Bruno Nardini” , em Valinhos a 66ª Festa do Figo e 21ª Expogoiaba. A programação está variada com dois grandes shows. No dia 23 de janeiro, o Cantor Daniel vai embalar os corações apaixonados e dia 31 do mesmo mês, Thiaguinho, tocando aquele pagode.

Daniel 

daniel_0079José Daniel Camillo, o cantor Daniel, nasceu em Brotas no dia 09 de setembro de 1968. Ainda pequeno aos 8 anos ganhou seu primeiro violão quando seu pai José Camillo notou a paixão pela música que o filho demonstrava.

 Desde então a música e Daniel não se separaram mais. Participou de diversos festivais regionais de música sertaneja, onde conheceu melhor o amigo João Paulo, com quem formou dupla em 1980 – nascendo então a dupla João Paulo & Daniel. A morte de João Paulo em 1997 rompeu a trajetória dos amigos que começavam a trilhar o caminho do sucesso. Com o apoio dos familiares, amigos e fãs, Daniel decidiu seguir o sonho sozinho e continuar fazendo o que mais lhe completa que é cantar.

Thiaguinho

Nascido no interior de São Paulo e criado no Mato Grosso do Sul, Thiaguinho cresceu ouvindo múthiasica sertaneja, ritmo predominante na cidade onde morava. Mas as referências musicais da família também influenciaram o garoto de Presidente Prudente, que ouvia Elis Regina e Tim Maia.

Ainda menino cantava e tocava violão nos corais da igreja que frequentava com sua mãe. Conheceu o pagode através de um tio e, desde então, traçou uma meta: ser músico, ou melhor, pagodeiro.

Seu primeiro trabalho foi no Grupo Samba e Suor, mas foi no reality show “Fama”, da TV Globo, que o cantor foi revelado.

Determinado em seu propósito de ser um cantor de pagode ele seguiu em frente, até que um dia foi convidado para ser o vocalista do Grupo Exaltasamba. Com muito talento e carisma, Thiaguinho conquistou os fãs do Exaltasamba e agregou milhões de outros em todo o país, transformando o grupo no maior sucesso deste segmento no Brasil.

Após nove anos à frente do Exaltasamba, Thiaguinho decolou para uma nova e vitoriosa fase em sua carreira.

Valores:

Grandes shows com Daniel no dia 23/01 (R$ 30,00 antecipado e R$40,00 na hora) e Thiaguinho no dia 30/01 (RS30,00 antecipado e R$ 40,00 na hora)

Além disso, o evento promete uma agenda com muitas opções gratuitas.

Outras atrações: 

17/01 – O Teatro Mágico
18/01 – Sambô
22/01 – Rosa de Saron
24/01 – Amigos do Pagode 90
25/01 – Blitz
29/01 – Thalles Roberto
31/01 – Cezar e Paulinho
01/02 – Festival Kids – Peppa Pig

*Prefeitura de Valinhos