Arquivo da tag: pg

Oficina de fotografia expande aptidões culturais em PG

Por Prefeitura de Praia Grande

Na tarde de terça-feira (25), mais de 30 alunos participaram do encerramento da Oficina de Fotografia – Especial Férias e o encontro ocorreu na sede da Subsecretaria de Assuntos da Juventude (Subjuve), que está localizada no Bairro Tupi. O objetivo do curso foi desenvolver as aptidões culturais e artísticas, integrando os alunos por meio da fotografia.

O subsecretário de Assuntos da Juventude, Augusto Schell, agradeceu aos alunos, que durante cinco encontros participaram ativamente do curso. “Essa segunda turma teve uma grande procura e esperamos que na próxima tenhamos ainda mais participantes”.

A aposentada Sueli Barreira Peres, de 63 anos, ficou sabendo do curso quando estava fazendo suas atividades nos programa Conviver, que fica no mesmo prédio da Subjuve e, então, resolveu participar. Peres acredita que o curso lhe deu uma nova visão sobre o que é a fotografia. “Nunca tinha participado de nenhum curso dessa área e aprendi a centralizar, a mexer em aplicativos e alguns recursos da câmara. Tenho planos de fazer outros cursos para ampliar meus conhecimentos”, ressalta a aposentada.

O estudante de fotografia e morador de Jundiaí Rafael Pereira, de 19 anos, está passando férias na Cidade e ficou sabendo do curso por intermédio de uma amiga. Pereira ainda não teve a parte prática na graduação e por isso resolveu fazer o curso. “Estou aprendendo agora um pouco da parte prática e quando voltarem as aulas na faculdade estarei à frente da minha turma”.

A Subjuve realiza diversos programas com o objetivo de integrar a comunidade praia-grandense e está localizada na Rua Xavantes, 51, dentro do Vivência Tupi, no Bairro Tupi. Outras informações sobre os cursos e programas realizados podem ser obtidas pelo telefone: 3496-5684.

 

Em PG, Cia Tribus de Dança apresenta espetáculo neste final de semana

Prefeitura de Praia Grande

Quem gosta de dança não pode perder o espetáculo Tribus e Amigos, que acontece no Teatro Serafim Gonzalez nesta sexta-feira (24), às 20 horas. A Companhia de Dança faz uma apresentação em dois atos, misturando estilos em uma noite especial.

O projeto Tribus e Amigos teve início em 2004 e de lá pra cá vem agregando artistas e bailarinos de toda a região. O espetáculo que será apresentado no Serafim Gonzalez contará com dois atos. O primeiro, Seven, faz parte do projeto Núcleo de Movimento Tribus, que nessa temporada contou com bailarinos de várias cidades da região. O segundo ato é uma mostra com a participação de diversas Companhias e academias de dança.

A Companhia de Artes Tribus atua em diversas áreas da cultura, fazendo grande sucesso entre profissionais do setor. Participou das Olimpíadas de Pequim em 2008, e na Rio 2016, na área audiovisual com realizações inovadoras. Além disso, a Cia Tribus já realizou turnês em 10 países, passando por 4 continentes.

Como objetivo principal, a Cia de Dança visa estimular novos talentos e colaborar culturalmente e socialmente para o desenvolvimento de crianças e jovens que buscam a arte como modo de vida. O espetáculo Tribus e Amigos acontece dia 24 de março, às 20 horas, no Teatro Serafim Gonzalez, que fica no Palácio das Artes, na Av. Pres. Costa e Silva, 1.600. Os ingressos custam R$ 20 reais. Informações pelo telefone 3496-5715.

Agenda natalina de PG inclui Coral na Sacada, Chegada do Papai Noel e musicais

Por Lorena Flosi

A chegada do Papai Noel à Praia Grande é destaque na agenda cultural de dezembro. Aguardado o ano inteiro pelas crianças, o bom velhinho traz consigo uma programação especial e totalmente gratuita, que acontece também no sábado, dia 10. Além do já tradicional Coral nas Sacadas do PDA, a programação se estende com espetáculos infantis e musicais. Ao longo do mês, a agenda oferece ainda exposições, a última edição da Feira de Artesanato do ano, espetáculos de dança e diversas opções de passeio. Confira:

Dias 9 e 10 | 19h | Coral nas Sacadas | Gratuito
Sob o comando da maestrina Marisa Landucci Monteiro, o tradicional coral natalino ocupa as sacadas do Palácio das Artes em uma apresentação emocionante, repleta de canções que fizeram e continuam fazendo nosso Natal mais mágico e feliz. Com 180 vozes, o coral é composto por integrantes de sete a setenta anos e traz clássicos como Noite Feliz, Vinde e Cantai e Alegria de Natal. Na sequência, o Papai Noel recebe crianças e adultos no saguão do PDA.

Dias 9 e 10 | 20h30 | Natal em Todos os Tempos | Gratuito
Carol e Melissa questionam a avó da razão de se comemorar o Natal apenas uma vez por ano. Deslumbram-se ao saber que Natal é o aniversário do menino Jesus. Todos os anos comemoramos o nascimento Dele, para lembrar que a criança é a Esperança do mundo. Três contos de Natal, um em meados de 1.800, outro ocorrido em 2016 e o terceiro no ano 3120 despertam nas pequenas o verdadeiro sentido da data.

Dia 9 | 16h | A Farsa do Príncipe Invisível | Gratuito
No Reino dos Abacateiros Floridos é o dia do noivado da Princesa Pingente de Prata com o Príncipe dos Manjericões Doirados. O evento tem tudo para ser uma grande festa, mas a prima de Pingente de Prata, a Princesa Coalhada Segunda está contando com a ajuda de sua fada madrinha, Urubuzalda dos Corvos Negros, para impedir esse casamento e conquistar o coração do príncipe. Será que ela conseguirá?

Dia 10 | 15h | Clara em um Mar de Sonhos | Gratuito
Clara é uma menina que não acredita em contos mágicos, até que um dia sua avó conta uma história que se passa no fundo do mar. A menina não liga muito, pois está ocupada com o show de talentos da escola. De repente, Clara vai parar em um Mundo Mágico no fundo do Mar. Lá encontra um cavalo marinho, uma tartaruga e um pinguim super malucos, e juntos mergulham em uma viagem divertida e cheia da crença de que todos os sonhos podem se tornar realidade. A história é inspirada no conto do Mágico de Oz, e tem o objetivo de resgatar a magia dos contos de fadas, mostrando que vale a pena acreditar nos nossos sonhos.

Dia 10 | 17h30 | Cantata de Natal Porto das Artes | Gratuito
Alunos da Escola Municipal Porto das Artes, das turmas de musicalização de 06 a 14 nos, dos professores Miriam Ferreira e Décio Carrion farão uma cantata referente ao nascimento de Jesus em homenagem as festividades natalinas com repertórios já conhecidos e outros nem tanto. A intenção da Diretora Luciana Rocha Augustinho é “proporcionar um momento sublime onde trazemos um pouco de alegria de mensagens de amor e esperança no Natal”.

 

Feira de Artesanato de PG tem edição natalina no fim de semana

Lorena Flosi

Quem está buscando presentes originais com preços acessíveis para o Natal, não pode perder a Feira de Artesanato Municipal, que acontece no próximo sábado (3) e domingo (4), no Salão de Eventos do Palácio das Artes. Com mais de 100 expositores, todos artesãos de Praia Grande, a feira promete uma grande variedade de presentes, que vão desde objetos de decoração, passando por bijuterias e utilidades domésticas. O evento tem entrada gratuita e acontece sempre das 14 às 21 horas. O Palácio das Artes fica na Av. Pres. Costa e Silva, nº 1600, bairro Boqueirão.

De bolsas e bonecas de tecido, decoração em biscuit, arte com materiais reciclados e até em folha de bananeira, a diversidade e os bons preços são o diferencial do evento. O subsecretário de Turismo Itamar Marciano destaca que o objetivo da Sectur é dar oportunidades a todos os artesãos da Cidade. “Queremos dar espaço para que todos possam mostrar seu trabalho, divulgando sua arte e gerando renda. Por isso, a Sectur realiza as Feiras de Artesanato itinerantes, que acontecem várias vezes ao ano no Palácio das Artes. Esta é a última edição do ano, e nossos artesãos estão empenhados em oferecer produtos exclusivos a preços acessíveis. Fica o nosso convite à população para que conheça e prestigie o trabalho dos artistas da Cidade”. A Feira de Artesanato Municipal faz parte do eixo Cidade Feliz do programa Avança PG, que busca fomentar e incentivar atividades culturais e de lazer no Município.

Cadastro de artesãos

Para participar das feiras itinerantes de artesanato é preciso ser cadastrado na Sutaco – Superintendência do Trabalho Artesanal nas Comunidades, do Governo do Estado, ser morador de Praia Grande e produzir as peças que serão comercializadas. Informações sobre os procedimentos necessários podem ser obtidas através do telefone 3496-5718.

 

8º Festival Antonio Manzione acontece na próxima sexta em PG

Por Lorena Flosi

Na próxima sexta-feira (25), às 19 horas, o Teatro Municipal Serafim Gonzalez recebe a oitava edição do Festival Antônio Manzione, intitulada de Dando Cordas. Ótima pedida para quem aprecia música de cordas, o festival reúne diversos grupos de cordas da Cidade e região, em uma apresentação eclética, permeando diversos estilos musicais. A entrada é gratuita, e os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência. O Teatro Serafim Gonzalez é parte do complexo cultural Palácio das Artes, e fica na Av. Pres. Costa e Silva, nº 1600. Informações pelo 3496-5715.

Inserido no Calendário Oficial de Eventos do Município em 2015, o Festival Antonio Manzione já é um evento aguardado pelos amantes do estilo musical. Este ano, contará com a participação dos grupos Camerata de Violões de Praia Grande, com participação do Porto das Artes, Chorões do Palácio e Grupos de Violões Tabajara da Cruz, todos de Praia Grande. Como convidados, participam Cordas Bancárias de Violões e Camerata Manzione de Violões. São convidados especiais a Orquestra de Violões de Mongaguá, Dupla de Violas João Victor e Marcos Vinícius e Grupo de Cavaquinho de Agenor de Campos.

“Neste ano, a proposta é de um Festival democrático e de grande qualidade cujo título brinca com a variedade de instrumentos: Dando corda”s”, ressalta o diretor do departamento de gestão cultural da Sectur, Renato Paes. “A proposta consiste em reunir diversos instrumentos de cordas, além do violão, como viola caipira, cavaquinho, banjo, bandolim e guitarra”.

Antonio Manzione

O maestro Antonio Manzione é formado com distinção pelo Conservatório Dramático e Musical de São Paulo em 1961 na classe do grande mestre Isaías Sávio, pai do violão brasileiro. Em 1962, tornou-se Assistente da Cátedra. Entre os principais prêmios obtidos por ele estão: Destaque no Seminário Internacional, em Porto Alegre, em 1969; Medalha Villa-Lobos no 25º ano da morte do grande maestro no Seminário Internacional.

Também: “Poeta das Cordas” pela União Brasileira de Trovadores (UBT); Título de “Imortal” pela UBE (União Brasileira de Escritores na Assembléia Legislativa de São Paulo). Promoveu o I Seminário Santista de Violão em 1972, conseguindo o número recorde de 712 inscritos e realizou uma apresentação com 1001 alunos, documentada pelo programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão (1984).

 

Feira de Artesanato acontece no próximo fim de semana no Samambaia

Por Lorena Flosi

No próximo sábado (12) e domingo (13), Praia Grande realiza mais uma edição da tradicional Feira de Artesanato. Com caráter itinerante, a feira acontece dessa vez na Praça Alvorada, na Rua das Rosedas, atrás da Biblioteca Pública Silvia Lemos Smith. Com cerca de 40 expositores, a feira é uma ótima dica para conhecer o trabalho dos artesãos do Município, além de adquirir produtos exclusivos a preços acessíveis. A feira acontece das 10 às 18 horas e tem entrada gratuita.

De acordo com o subsecretário de Turismo da Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur) de Praia Grande, Itamar Marciano, o objetivo é ampliar os locais para a realização das Feiras de Artesanato. “Além do Palácio das Artes e do Pavilhão de Eventos Jair Rodrigues, que costumam receber a Feira de Artesanato freqüentemente, a ideia é que cada vez mais possamos ocupar os espaços de múltiplo uso do Município, democratizando e facilitando o acesso da população à produção artesanal de Praia Grande, incentivando e valorizando o trabalho de nossos artesãos. Dessa vez, o local escolhido é o bairro Samambaia, um dos mais populosos de nossa Cidade”.

Quem visita as feiras de artesanato municipais costuma encontrar uma grande variedade de produtos: utensílios domésticos, bijuterias, esculturas, roupas, objetos de decoração e lembranças da Cidade, sempre confeccionados com materiais diversificados. Metal, porcelana, vidro, tecido, madeira, bambu, resina, pedras e ate mesmo papel são alguns dos suportes utilizados pelos artistas. A Feira de Artesanato é parte integrante do eixo Cidade Feliz, do programa Avança PG, que busca fomentar e incentivar atividades culturais e de lazer no Município.

Cadastro de artesãos

Para participar das feiras de artesanato itinerantes é preciso ser cadastrado na Sutaco (Superintendência do Trabalho Artesanal nas Comunidades), do Governo do Estado, ser morador de Praia Grande e produzir os produtos que serão comercializados. Mais informações pelo telefone 3496-5718, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h30.

 

Espetáculo de mímica ‘Chuva de Risos’ é opção gratuita nesta quinta em PG

Por Lorena Flosi

Na próxima quinta-feira (10), às 16 horas, Praia Grande volta a receber mais uma atração do Circuito Cultural Paulista: ‘Chuva de Risos’, um espetáculo de música e teatro realizado pela Cia. Solar da Mímica, promete agradar crianças de todas as idades. Com direção de Vanderli Santos, o ator Alberto Gaus assina direção e interpretação da peça; O espetáculo acontece no Salão de Eventos do Palácio das Artes (Av. Pres. Costa e Silva, 1.600/Praia Grande), com entrada gratuita. Os ingressos começam a ser distribuídos às 15h30.

A peça, que tem duração de 60 minutos, conta a história de um personagem que resolve encarar a vida com outros olhos. Ao longo do espetáculo surgem vários guarda-chuvas que nos levam ao paraíso da imaginação: saindo do cotidiano, passando pela lua e terminando em alto mar. O que protege dos ventos e da chuva pode também ser um trem que nos leva a uma outra estação ou um barco que nos leva a um novo romance.

O que será melhor? Pegar um guarda-chuva e ficar em um canto morrendo de frio ou transformá-lo em uma espada e matar os dragões da vida? Como seria a vida se utilizássemos tudo o que nos rodeia de uma maneira que não fosse a corriqueira? A peça nos diz que talvez o prazer de viver o inusitado esteja escondido atrás do cotidiano, e este nosso personagem abre este guarda-chuva de infinitas possibilidades, chegando a uma relação bem humorada com o público – coadjuvante constante dessa comédia, cujo objetivo maior é mostrar o puro e simples prazer de viver a vida.

Circuito Cultural Paulista

Com a missão de ampliar o acesso à cultura de forma descentralizada, o projeto do governo do Estado promove espetáculos sediados em cidades parceiras, valorizando os teatros e centros culturais locais, além de espaços alternativos. A qualidade e a variedade dos espetáculos norteiam a programação do Circuito.

Entre música, dança, circo, teatro adulto e programação infantil, o público tem acesso ao melhor do que está sendo produzido nos palcos de São Paulo e do Brasil – de nomes consagrados a criações experimentais. Aos artistas, o Circuito dá a chance de visitar várias regiões e de encontrar um público diversificado, aberto ao novo e ao diálogo entre as linguagens artísticas. Por tudo isso, o Circuito Cultural Paulista é um dos mais importantes programas de difusão cultural e de formação de plateias dentre os mantidos pela Secretaria da Cultura.