Arquivo da tag: turismo

Conheça o perfil dos novos gestores municipais de cultura da Baixada Santista

Por Lincoln Spada

Além dos nove prefeitos da Baixada Santista, as cerimônias também empossaram as novas equipes de governo no último domingo (dia 1º). As mudanças administrativas afetaram os gestores da Cultura de seis municípios, e a crise financeira reduziu ou igualou a maioria dos orçamentos do setor, além de ser justificativa para a pasta ser atrelada a outros segmentos que exigem prioridade igual (Turismo) ou maior (Educação) em relação às demandas.

> Acesse: Promessas dos novos prefeitos para a cultura

Na Baixada Santista, não foram considerados perfis técnicos para a pasta de cultura. Das nove cidades, os três que seguem em seus papéis são ex-vereadores ou candidatos à Câmara. Já onde haverá novos quadros, apenas um já tem trajetória em políticas culturais. Se um gestor de Saúde ou Finanças geralmente é técnico, comandará a Cultura quem teve carreira como empresário ou advogado. Aliás, dos nomes já anunciados, apenas um não tem filiação partidária – é presidente municipal da OAB.

Enquanto o PSDB tem a hegemonia regional (sete prefeitos e uma vice), o campo cultural será conduzido também por PMDB, PPS, PSB e PSD. A transição com novos nomes partidários e de atuação inexpressiva no setor obriga que se reinicie a sensibilização pelas políticas culturais das cidades. E se nos municípios, o segmento tem que dividir a atenção do gestor com outros temas, no plano regional, o Governo Estadual reduziu o investimento, cortando programas formativos (Oficina Cultural Pagu e unidades do Projeto Guri) e verbas de editais para grupos artísticos.

Secretarias exclusivas

Desfeita a hipótese de fusão da pasta da Cultura com Turismo em Santos, Fábio Alexandre Nunes (PSB) se mantém como titular da secretaria. Ex-vereador e ex-secretário de Meio Ambiente, o educador está na função desde 2015. Em sua gestão, o Conselho Municipal de Cultura foi presidido pela sociedade civil, efetivou a Lei do Sistema Municipal de Cultura e levou à Câmara o Plano Decenal de Cultura.

Em São Vicente, a Secult será dirigida por Fabio Lopez (PPS). O advogado não tem experiência na área cultural, mas na vertente política. Mais recentemente, foi secretário de Governo e de Esportes de São Sebastião. Já em Guarujá, o presidente da OAB Guarujá, Paulo Roberto Fiorotto, assume a Secult. A sua breve atuação no setor cultural foi durante enquanto OAB apoiando o Acervo Histórico e Cultural de Guarujá.

Anexo a Turismo ou Educação

Quem se mantém na função de secretário de Cultura e Turismo de Praia Grande é Esmeraldo Vicente dos Santos (PMDB), que está à frente da pasta desde 2015. O administrador de empresas já foi secretário de Administração, de Educação, atuou no gabinete do prefeito, e vice-presidente da Câmara de Vereadores. Em sua gestão, ainda não efetivou as leis que aderem a cidade ao Sistema Nacional de Cultura.

Argumentando sobre a crise econômica, em Cubatão, a pasta da cultura estará sendo atrelada à secretaria da Educação. O titular é Raul Christiano (PSDB), jornalista que já foi professor universitário, pró-reitor comunitário da Unimes e assessor especial do MEC, entre outras funções. Desde 2014, foi secretário de Cultura de Santos e diretor das Oficinas Culturais do Estado de São Paulo.

Atenção tripla

Em Itanhaém, a situação é semelhante, mas o novo titular não tem experiência na área cultural. O atual vice-prefeito, o advogado Tiago Cervantes (PSD) deixou a presidência da Câmara de Vereadores e assume a secretaria de Educação, Cultura e Esportes. Por sua vez, em Bertioga, pasta da cultura deve continuar junta de outras áreas, na Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura. Ali, o titular é o empresário e jornalista Ney Rocha (PMDB). Em suas entrevistas, atentou-se ao turismo da cidade.

Em Mongaguá, não há secretarias, mas diretorias. No site oficial, mantém-se na função José Ricardo Pettine (PSDB), que dirige a pasta desde 2013. Por sua vez, a nova administração de Peruíbe indicava tornar a diretoria cultural numa secretaria exclusiva, mas nem o site oficial da Prefeitura, nem assessoria do novo prefeito confirmam o nome do cargo.

Anúncios

Prefeitura de Santos nega unir secretarias de Cultura e Turismo

Por Lincoln Spada

“Não se cogita a junção das duas secretarias”. É assim que a Prefeitura de Santos descarta a possibilidade de unir as pastas de Cultura e Turismo, no próximo mandato de Paulo Alexandre Barbosa. Trata-se de uma resposta à nota de Jairo Sérgio de Abreu, editor e colunista político do BoqNews.

Na edição do último dia 17, o jornalista descreveu que, nos bastidores, o prefeito tende a criar uma secretaria única para atender as duas áreas, tendo à frente o atual secretário de Cultura, Fábio Nunes. O argumento seria a “perspectiva econômica pouco animadora”, situação já descrita pelo próprio governo nas últimas coletivas de imprensa.

No próximo ano, o orçamento municipal prevê que a Secretaria de Turismo reduzirá 18%, de R$ 8,9 mi para R$ 7,3 milhões. Na Secult, a verba cairá 13%, de R$ 33,1 mi para R$ 28,7 milhões. Uma previsão desafiadora, tendo em vista que no próximo ano, a Secult terá que participará da gestão de novos centros culturais no Jardim Castelo, Morro da Penha, Vila Nova, Vila Progresso, e provavelmente da Cadeia Velha de Santos.

Em relação aos demais municípios, os principais problemas na junção de pastas, é que: ou o gestor passa a ter um olhar limitado por ambas as áreas sem se especializar em nenhuma delas, ou ele mistura conceitos de ambas sem respeitar a autonomia de cada uma delas, ou ele observa mais a que têm mais recursos.

Neste último semestre, a secretaria de Turismo é assumida pela jornalista Miriam Guedes. Por sua vez, desde janeiro de 2015, o professor Fabião está à frente da pasta de Cultura. Em relação ao secretariado do próximo ano, a Prefeitura não confirma nomes, somente indicando que “os novos titulares serão definidos nos próximos dias”.

Guarujá busca realizar Carnaval 2017 via Lei Rouanet

Por Prefeitura de Guarujá

A Prefeitura de Guarujá, por meio das secretarias municipais de Cultura, Turismo e Desenvolvimento Econômico e Portuário, promove um encontro com as empresas da Cidade e Região Metropolitana interessadas em patrocinar o “Carnaval da Ilha Pede Passagem 2017”. Na oportunidade, será abordada a modalidade de apoio ao Carnaval pela Lei Rouanet. O evento será no Casa Grande Hotel (Avenida Miguel Stéfano, 1.001 – Praia da Enseada). O encontro será nesta sexta-feira (2) – Dia Nacional do Samba, às 11 horas.

No encontro, o secretário-adjunto de Turismo, Renato Maluf, e o secretário municipal de Cultura, Odair Dias, apresentarão a estrutura prevista pela Prefeitura para o desfile de Carnaval na Avenida Santos Dumont, em Vicente de Carvalho, em fevereiro de 2017. A modalidade de apoio ao Carnaval, por meio da Lei Rouanet, que garante ao patrocinador 100% de isenção no imposto de renda do valor investido no projeto, será explanada pela produtora cultural Lúcia Helena Silva.

Durante o evento no Casa Grande Hotel, a escola de samba Imperador da Ilha de Santo Amaro, tricampeã na Cidade, fará uma apresentação especial e uma atração especial surpresa também celebrará o encontro e o Dia do Samba. Os interessados em participar do encontro podem confirmar presença no e-mail: turismo@guaruja.sp.gov.br.

Válter Suman não descarta extinguir Secretaria da Cultura de Guarujá

Por Lincoln Spada

É dado como certo o fechamento da Secretaria da Cultura (Secult) de Guarujá, segundo colaboradores da pasta no atual governo. A informação também foi ventilada durante o fórum 5º CulturalMente Santista. Ao lado de outros gestores, o atual titular do órgão, Odair Dias Filho, comentou da possibilidade de extinção da pasta.

À época, Odair ressaltou a aprovação da lei do Sistema Municipal de Cultura. Tal legislação garante a manutenção de um órgão autônomo e exclusivo de cultura (a Secult), além de conselhos, conferências e fundo municipal, a fim de vincular políticas, programas e verbas entre a cidade e o Governo Federal para o setor.

Atualmente, a Secult já tem verba de R$ 6,5 milhões, o equivalente a 0,7% do orçamento municipal – abaixo das médias estadual e nacional. Na campanha eleitoral, o prefeito eleito Válter Suman (PSB) não incluiu uma única linha sobre cultura em seu primeiro plano de governo, que consta no Tribunal Superior Eleitoral. Ao contrário, reforçou o interesse em reduzir pastas.

A Revista Relevo apurou que a ideia inicial do novo governo é de que a cultura esteja na mesma pasta relacionada a turismo, esportes e lazer. Na transição das prefeituras, estes temas serão discutidos em conjunto nas últimas reuniões (12 e 14 de dezembro). Desde o dia 11 de novembro, a equipe de Válter Suman não confirmou essa possibilidade à Revista Relevo.

Para o Diário do Litoral, o novo prefeito antecipa que o setor deve manter o mesmo orçamento em 2017. Ele também afirmou que buscará parcerias público-privadas. Sobre a possibilidade de extinção da Secult, em nota, Válter informou ao jornal: “esta definição será alvo de estudos técnicos e será devidamente informada aos meios de comunicação em tempo oportuno”.

 

Guia de Turismo apresenta sugestões de roteiros literários em Cubatão

Por Alessandro Atanes

Após os encontros da I Oficina de Elaboração de Roteiros Turísticos-Literários, profissionais da área de Turismo, estudantes e a equipe da Secretaria de Turismo de Cubatão levantaram uma série de informações sobre a produção literária da cidade que serão transformadas em um guia para a elaboração de roteiros literários em Cubatão. Os encontros terminaram na última quinta-feira, dia 6.

Com o objetivo de subsidiar agências, profissionais e guias de turismo, o guia trará mapas literários, um roteiro de locais relacionados à obra e à biografia de Afonso Schmidt, uma seção com descrições literárias da Serra do Mar, informações sobre autores contemporâneos e uma seção que mostra Rudyard Kipling, escritor indiano Nobel de Literatura, como o primeiro turista industrial da cidade por ter visitado a usina Henry Borden em 1927, logo após sua inauguração, além de reunir informações básicas sobre a cidade e os principais pontos turísticos.

O guia terá uma versão impressa com capas artesanais feitas com tecido e caixas de leite feitas em parceria com o curso de Turismo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, por meio do projeto de extensão Atitude Sustentável, com a participação de adolescentes do projeto PJ Mais. O livro terá também uma versão digital que ficará à disposição on line em formato PDF.

 

Cubatão recebe 2º Circuito de Cultura Popular entre os dias 22 e 28

Na semana em que se comemora o Dia do Folclore, Cubatão vai receber uma grande festa para a população. A segunda edição do Circuito de Cultura Popular, patrocinado pela Usiminas, chega ao município com mais de 140 artistas em diversas apresentações e atividades gratuitas espalhadas pelas praças, ruas e escolas da rede pública da cidade. Teatro, música, contação de histórias, dança de rua, cortejo de maracatu, dança popular de origem africana chamada jongo, serenatas, teatro de mamulengos, oficinas educativas e fórum fazem parte da programação, que valoriza a arte e a cultura popular do país.

> Baixe a Programação Circuito de Cultura Popular Cubatão

Entre os destaques do Circuito estão as atividades realizadas na Praça da Independência, no Jardim Casqueiro. No fim de semana (dias 27 e 28) será montada na praça uma estrutura de palco com som e luz, além de tenda com capacidade para 300 pessoas, para a realização de diversas apresentações artísticas e formativas abertas ao público.

Uma Feira Criativa também será realizada no local, organizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura – Departamento de Políticas Públicas para a Diversidade Cultural. A atração oferecerá ao público artesanato, artes visuais, coleções, antiguidades, artigos de moda, discos de vinil, livros, gibis, paisagismo e perfumaria. A gastronomia ficará por conta de diversos food trucks que serão estacionados no entorno da praça, organizados pela Secretaria de Turismo.

Programação

Para compor a programação, os produtores do Circuito promoveram um chamamento público e receberam a inscrição de 72 propostas, vindas de diversas cidades do Estado de São Paulo, principalmente das cidades da Baixada Santista. “Ficamos muito felizes com o resultado deste chamamento. Recebemos muitas inscrições de grupos e artistas da região, mostrando que aqui há uma produção cultural significativa. Uma das ideias do Circuito é promover o intercâmbio entre estes artistas e mostrar ao público nossa produção cultural local”, explica Douglas Zanovelli, produtor do Circuito junto com Talita Berthi.

Este slideshow necessita de JavaScript.


Além da variedade de apresentações artísticas, a programação conta também com atividades de formação. “Para que o público interaja, dance e brinque junto com o artista popular, nos empenhamos em proporcionar uma programação com foco não só na difusão, mas também na formação do conhecimento sobre a cultura popular brasileira. Por isso, nesta edição, convidamos grupos e mestres para realizar oficinas e debates abertos ao público, proporcionando uma grande celebração da coletividade e participação popular”, completa Talita Berthi.

Em sua primeira edição, realizada em 2014, o circuito promoveu 55 espetáculos, beneficiando mais de 17 mil pessoas. Para esta segunda edição, além de Cubatão, o circuito percorrerá ainda as cidades de Guarulhos (de 15 a 18 de setembro) e Santos (de 6 a 9 de outubro). O projeto é realizado pela BERTHI Produção e Arte por meio do Programa de Ação Cultural – ProAC, com apoio do Instituto Cultural Usiminas, Secretarias Municipais de Cultura e de Turismo da Prefeitura Municipal de Cubatão, SESI São Paulo e patrocínio da Usiminas.

> Baixe a Programação Circuito de Cultura Popular Cubatão

A diretora do Instituto Cultural Usiminas, Penélope Portugal, destaca a importância do projeto para ampliação do acesso da comunidade a atrações culturais de qualidade. “Estamos felizes em poder levar à comunidade, com o patrocínio da Usiminas, uma programação diversificada em diferentes espaços da cidade com o objetivo de dar seguimento ao trabalho continuado de formação de público para as artes e para a cultura”, declara a diretora. Mais informações: http://www.circuitodeculturapopular.com.br

*Rafaella Vicentini

 

Estão abertas as inscrições para a 2ª Mostra de Teatro de Praia Grande

A Prefeitura de Praia Grande através da Sectur publicou o edital de seleção para espetáculos teatrais da cidade para a 2ªMostra de Teatro Praia Grande que acontecerá de 26 de setembro a 1º de outubro de 2016. A Mostra é um evento de diversidade teatral, que contempla espetáculos dos mais variados gêneros e formatos, inéditos ou não, para público adulto, infanto juvenil e infantil, no Teatro Municipal Serafim Gonzalez.

Na categoria de Teatro Amador grupos sediados em Praia Grande e grupos estudantis de instituição escolares de Praia Grande, sendo apenas 01 (um) por escola. As inscrições deverão ser realizadas de 15 a 26 de agosto até 17h00, na secretaria do Núcleo de Complementação Educacional Super Escola Palácio das Artes, sito a Avenida Presidente Costa e Silva, nº 1600, Boqueirão- Praia Grande, informações pelo telefone 3496-5707.  Baixe aqui o edital

*Secretaria de Cultura e Turismo de Praia Grande